25abr2016

Locaweb Corp fecha parceria com a Veeam e passa a oferecer backup na nuvem

(0) comentários

Por meio do programa Veeam Cloud & Service Provider, brasileira oferece soluções com suporte técnico nacional e pagamento de licenças em Real

 

São Paulo, 25 de abril de 2016 – A Locaweb, por meio de sua unidade corporativa, fechou uma parceria com a Veeam, desenvolvedora de software de backup e recuperação de desastres para ambientes virtualizados, para revender seus serviços e soluções no mercado brasileiro.

A partir de agora, a Locaweb Corp conta com o certificado Veeam Cloud & Service Provider, no Nível Gold, que permite oferecer as soluções de Disponibilidade da Veeam com atendimento e suporte técnico nacional. O cliente que optar pelo uso das licenças consegue pagar o valor total em moeda nacional no modelo pay-per-use (pagamento sob demanda), eliminando prejuízos devido à alta do dólar.

.

A parceria visa atender empresas que desejam proteger seus dados virtuais. Entre as novas soluções estão o Backup off-site, que envolve a Replicação de Dados em um local geograficamente separado da empresa, e o DRaaS, sigla inglesa para “Recuperação de Desastres como um Serviço”, que permite a recuperação de dados após a ocorrência de falhas técnicas ou humanas.

.

“Encontramos um parceiro que torna viável a oferta de serviços para proteção de dados na nuvem, com um modelo comercial atraente para o usuário final. Agora, além da proteção e recuperação de dados, a Locaweb Corp passa a oferecer todos esses serviços de um Data Center 100% alocado no Brasil”, comenta Everson Todoroki, gerente de produtos da unidade.

.

Rodrigo Aliaga, gerente de canais da Veeam no Brasil, destaca: “Os negócios de nuvem estão crescendo 106% todo ano na Veeam América Latina. A Locaweb nos ajudará muito a continuar nossa missão de transformar as empresas em negócios Always-On. Temos certeza de que esta parceria será muito produtiva para todos, principalmente para os clientes, que terão acesso a soluções de disponibilidade e serviços inovadores, como a Recuperação de Desastres como um Serviço”.

Quais as vantagens para o cliente:

– Contratação como serviço

– Sem necessidade de ampliar a infraestrutura

– Replicação de dados rápida e segura

– Backup armazenado em ambiente remoto

– Autonomia total para cópia e restauração dos dados

.

Mais informações no site: http://www.locawebcorp.com.br

Sobre Locaweb Corp

Lançada em 2014, a Locaweb Corp é a unidade de negócios da Locaweb criada para atender o mercado corporativo. Com mais de mil projetos e uma equipe especializada, atua como fornecedora de serviços cross-industries. Desta forma, consegue suprir as demandas de diversos segmentos que precisam de infraestrutura de TI customizada, tudo de acordo com as necessidades específicas de cada negócio. Conta com dois Data Centers e capacidade para 25 mil servidores, além de possuir as certificações PCI-DSS Nível 1 – Service Provider e ISAE 3402. Para mais informações, acesse: www.locawebcorp.com.br

 .

Informações à Imprensa:

NB Press Comunicação
Telefone: (11) 3254-6464
Fernanda Brianezi – fernandabrianezi@nbpress.com
Natália Lippo – natalialippo@nbpress.com

 

 

5abr2016

Evento de tecnologia e comunicação digital em Belo Horizonte recebe Cid, do Não Salvo

(0) comentários

18º Encontro Locaweb aborda a importância do mobile e as principais tendências do mercado de tecnologia

 

São Paulo, 22 de março de 2016 – Belo Horizonte é a primeira capital brasileira a receber o 18º Encontro Locaweb. O evento, que acontece em abril no Hotel Ouro Minas, tem como objetivo disseminar conteúdo relevante entre profissionais de internet e empreendedores, além de incentivar o networking. O evento já reuniu 32.500 mil participantes em todas as 17 edições.

Neste ano, o Encontro conta com a participação especial de Maurício Cid, criador do portal de humor Não Salvo, que fala sobre “Desafio aceito: Conteúdo viral a favor das marcas”.  Especialista em mídias sociais, com grande repercussão em sites de relacionamento e web 2.0, já ganhou diversos prêmios como “Melhor blog 2010” pela Folha de SP, “Blog do ano” pelo Youpix 2011 e #EPIC Social Media SP, além de ser classificado como troll, agitador web e blogueiro do ano. Em 2012, foi eleito uma das 100 pessoas mais influentes do país pela Revista ÉPOCA.

Além de Cid, o evento contará com alguns nomes como:

– Martha Gabriel, autora de 5 livros, inclusive o best seller “Marketing na Era Digital”;

-Lúcio Cordeiro, Head of Operation da 99Taxis;

– Jean Carlo Emer, Software Alchemist da Globo.com;

– George Guimarães, Engineering Director da Plataforma Tec.

O evento será dividido em duas salas, uma Digital e outra Dev, com sete palestrantes em cada. Para participar, os interessados devem se inscrever via internet mediante o pagamento de R$ 100,oo. Organizado pela Locaweb em parceria com All In, Locaweb Corp e Tray, além dos patrocínios da 99Taxis, Intel, Microsoft e Resultados Digitais, o Encontro Locaweb de Belo Horizonte espera receber 400 participantes.

Serviço:

18º Encontro Locaweb – BH

Quando: 07 de abril de 2016, das 8h às 18h

Onde: Hotel Ouro Minas – Avenida Cristiano Machado, 4001 – Bairro Ipiranga

Programação e inscrições pelo site: http://eventos.locaweb.com.br/18o-encontro-locaweb-belo-horizonte/

30nov2015

Locaweb Corp é a primeira parceira brasileira a oferecer serviços de cloud da Red Hat

(0) comentários

Red Hat Certified Cloud and Service Provider Program oferece soluções com suporte técnico nacional e pagamento de licenças em reais durante período de utilização

São Paulo, 30 de novembro de 2015 – A Locaweb, por meio de sua unidade corporativa, é a primeira provedora de serviços brasileira a se tornar parceira oficial de soluções em cloud da Red Hat, fornecedora norte-americana de sistemas operacionais corporativos em código aberto.

A Locaweb Corp conta agora com o certificado Red Hat Certified Cloud and Service Provider program, uma habilitação para disponibilizar as soluções Red Hat Enterprise Linux, Jboss, Openshift e GlusterFS, com atendimento e suporte técnico nacional. Além disso, o cliente que optar pelo uso das licenças Red Hat pode pagar o valor total em moeda nacional – eliminando prejuízos com a alta do dólar – diluído em prestações durante o período de utilização ou do projeto, ao invés de um investimento único inicial.

 “O desenvolvimento da parceria foi desafiante desde os primeiros contatos, pois envolvia diversas variáveis, principalmente os modelos de negócios e uma cultura de tecnologia já existente”, conta Eduardo Shimizu, Alliance Account Manager da Red Hat. “A maturidade dos profissionais da Locaweb e seu conhecimento de mercado foram fundamentais para entender os benefícios para todos”, completa.

“Procuramos a Red Hat para otimizar o modelo de comercialização de software oferecido por eles, na condição OPEX (pay-per-use), para atender sob medida as necessidades dos clientes corporativos da Locaweb Corp”, ressalta Everson Todoroki, gerente de produtos da unidade.

O que o cliente Locaweb Corp ganha com a parceria:

A Red Hat oferece soluções de software e serviços baseadas em código aberto para diversas áreas. Conheça:

Red Hat Enterprise Linux – Sistema Operacional com código gerado com ajuda da comunidade de desenvolvedores e revisado e testado continuamente pela RedHat, que também presta suporte técnico ao seu conteúdo. Além disso, oferece garantia de vida da solução de 10 anos + 3 de garantia estendida; updates e upgrades.

JBoss Enterprise Application Platform – Plataforma única de desenvolvimento e implantação de aplicativos de forma mais rápida, por meio de arquitetura modular para cloud.

Openshift – Serviço de PaaS (Plataform as a Service) permite desenvolver aplicações de forma rápida e escalável, com provisionamento automático e gerenciamento em nuvem.

GlusterFS – Sistema de arquivo distribuído e descentralizado, com múltiplas unidades de armazenamento remotas em um único volume. Essas unidades são compartilhadas pela rede em um sistema de arquivos paralelos, possibilitando uma considerável escalabilidade.

Mais informações no site: http://www.locawebcorp.com.br

18nov2015

Artigo – Design mobile é um dos segredos para garantir vendas na Black Friday

(0) comentários

Quando a loja cabe na palma da mão do cliente

Por Patricia De Cia
Gerente de experiência do usuário da Locaweb

O brasileiro já se acostumou a comprar online usando seu smartphone. De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), as compras por dispositivos móveis devem representar 19% do total das transações online no Brasil durante a Black Friday 2015, data que deve movimentar R$ 1,3 bilhão neste ano. Esse volume evidencia um ponto fundamental: é preciso que o site da loja virtual esteja preparado para o acesso mobile para não perder vendas. Confira cinco motivos:

1 • Visibilidade – As páginas que não são amigáveis para dispositivos móveis perderam relevância de busca no Google. Não adianta ter ótimas ofertas se o consumidor não encontrar a loja virtual nas primeiras páginas de resultados.

2 • Menu Mobile Friendly – São muitos os casos em que os consumidores chegam até a página do produto e não conseguem comprar porque o site é de difícil navegação pelo smartphone.

3 • Compra conveniente –  Os hábitos de consumo estão mudando e atualmente as compras são realizadas quando as pessoas estão no trânsito, na fila do banco, na hora do café ou mesmo na espera de um atendimento. Em qualquer um desses casos, a experiência do usuário é fundamental para a conversão em um e-commerce.

4 • Boa interface – Uma loja virtual que ofereça performance para smartphones deve contar com um template original e exclusivo, de resolução adequada e carregamento rápido de imagens. Esses fatores proporcionam uma navegação intuitiva e mais natural, que aumenta significantemente as chances de o usuário finalizar sua compra.

5 • Sob medida – As campanhas de e-mail marketing também devem ser pensadas para esses dispositivos. Segundo dados do eMarketer, a taxa de abertura de e-mails via celulares no Brasil já ultrapassa 30%. Uma mensagem personalizada, com produtos relevantes e preços arrasadores exige boa visualização, onde o cliente possa ver fotos do produto e demais informações. As peças devem contar com HTML que respeite as limitações das telas e possuir elementos de fácil carregamento, estrategicamente posicionados.

16nov2015

Artigo – American Way: o que a prática de e-mail marketing dos Estados Unidos tem a nos ensinar?

(0) comentários
Por Victor Popper
CEO da All In Mail, empresa de marketing digital voltada para e-mail marketing

Uma das primeiras ferramentas para vender na web, o e-mail marketing segue com grande importância para os varejistas virtuais. Quando bem utilizado, atrai mais visitantes para o e-commerce e contribui para o aumento de vendas. O desafio é identificar as melhores estratégias para montar uma mensagem que realmente se destaque na caixa de entrada do usuário. Neste ponto, as melhores práticas para nos espelharmos são provenientes do mercado e dos profissionais norte-americanos.

A boa notícia para as empresas brasileiras é que o mercado nacional já possui soluções capazes de atender as táticas ideais no relacionamento com o consumidor, com suporte, desenvolvimento e preço adequados à nossa realidade. A má é que ainda não se investe tanto na capacitação dos profissionais. Nos Estados Unidos, a média é ter entre oito e dez colaboradores envolvidos na área; no Brasil, são pessoas com pouca ou nenhuma formação que cuidam do setor.

Além de já ter avançado nas estratégias de e-mail marketing para o omnichannel, o mercado norte-americano também entende a importância de criar gatilhos inspirados no comportamento do consumidor. Aqui no Brasil, cerca de 90% das companhias ainda elabora as campanhas em cima do volume de disparos e de segmentações básicas, como idade e gênero – uma metralhadora giratória que, em algum momento, vai atingir o consumidor. No entanto, a palavra de ordem agora é o one-to-one, ou seja, o usuário precisa se sentir único com o e-mail marketing que recebe. Se um rapaz recebe um e-mail com os mesmos produtos destinados à sua mãe, por exemplo, certamente a taxa de conversão será menor.

Os números mostram que personalizar a mensagem enviada leva a um aumento de três a quatro vezes na receita. Um e-mail blast (que a empresa dispara para toda a base, sem segmentação) possui uma taxa de abertura em torno de 12% e uma receita de US$ 0,20 por e-mail. Já uma mensagem de abandono de carrinho, um dos recursos do behavioral targeting, eleva a abertura para 49,8% e tem uma receita média de US$ 4,75 por e-mail.

Para conseguir este feito é preciso unir estratégia e tecnologia. O disparo desta mensagem personalizada pode ser automatizado com um código dentro da arquitetura do e-commerce, conhecido como triggers. Dessa forma, a empresa identifica o comportamento do usuário na página, como o abandono de um produto no carrinho virtual ou compras anteriores e imediatamente envia uma mensagem para aquela pessoa. O e-commerce não precisa esperar o cliente buscar o produto no Google para saber o que ele quer. A própria tecnologia já cruza informações e antecipa essa demanda. É muito mais eficiente avisar ao consumidor que compra fraldas que elas estão acabando (pela data da última compra) do que esperar ele ficar sem nenhuma, sair em busca e comprar em um concorrente.

Outra dica importante dos Estados Unidos envolve a criação de conteúdo para engajar o usuário (content engagement).  No Brasil, as empresas começam a enxergar a importância de enviar conteúdo relevante, mas esse processo ainda está tímido. Na maioria dos casos, pode ser mais inteligente e eficaz enviar um e-mail com instruções e vídeos do produto recém-adquirido do que simplesmente indicar itens complementares à nova compra. As companhias norte-americanas apostam no conteúdo criado pelo próprio consumidor, pedindo para que eles enviem recomendações e fotos em troca de cupons de descontos. Ou seja, um conteúdo de qualidade pode ser fornecido pelo cliente de forma gratuita.

Aos poucos, o mercado brasileiro começa a entender a importância do marketing de relacionamento. A tendência é que os canais fiquem cada vez mais integrados, o que exige da empresa uma preparação para identificar o comportamento da base de clientes. Esse é o futuro – e ele já está acontecendo nos Estados Unidos.

16nov2015

Florianópolis recebe evento gratuito sobre mídias digitais

(0) comentários

Voltado a profissionais de comunicação e marketing, seminário traz palestras com profissionais renomados do segmento

São Paulo, 16 novembro de 2015 – A capital catarinense recebe no dia 21 de novembro o 5º Seminário Locaweb Mídias Digitais voltado a profissionais de comunicação e marketing, que acontecerá no auditório da Faculdade Senac Florianópolis.

O evento contará com importantes profissionais de diversos segmentos, como André Siqueira, cofundador e head de conteúdo da Resultados Digitais, empresa líder de automação de marketing na América Latina, e Carolina Lima, autora do livro “Como acabar com a sua #empresa em apenas 140 caracteres”. Entre as palestras estão:
– “15 dicas de Conteúdo e Inbound Marketing”
– “15 dicas para criar ações, experiências e muito amor no digital”
– “Top 15 hot tips para o brand managemente online”
– “15 dias para encontrar e se relacionar com criadores de conteúdo relevantes para sua marca”
– “15 dicas para entender e apresentar dados”
– “15 dicas para um canal matador”

No dia do evento, todos inscritos devem levar um quilo de alimento não perecível. Os alimentos arrecadados serão doados para o Educandário Santa Catarina, instituição de assistência social que atende 540 crianças da Grande Florianópolis, em situação de risco e vulnerabilidade. As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas podem ser feitas via internet.
O Seminário Locaweb está em sua quinta edição e espera receber cerca de 250 participantes.


Serviço: 5º Seminário Locaweb

 

Data: 21 de novembro
Horário: 9h às 17h30
Local: Auditório da Faculdade Senac Florianópolis – Rua Silva Jardim, 360 – Centro
Valor: Entrada gratuita, mediante inscrição no site e um quilo de alimento não perecível
Mais informações: http://eventos.locaweb.com.br/5o-seminario-locaweb-midias-digitais-florianopolis/

4nov2015

HSM Expo Management 2015 tem transmissão ao vivo pela Internet

(0) comentários

Eventials transmite palestras do Auditório Principal do maior evento de gestão da América Latina

São Paulo, 04 de novembro de 2015 – Considerado o maior evento de gestão da América Latina, o HSM Expo Management 2015 reúne alguns dos principais líderes empresariais entre os dias 9 e 11 de novembro, em São Paulo.  Para ampliar o alcance destas palestras, a organização realiza transmissões ao vivo pela Internet.

A iniciativa é resultado da parceria entre a HSM, empresa organizadora do evento, com a Eventials, plataforma especializada na transmissão de webinars da Locaweb. O site vai exibir em tempo real as palestras do Auditório Principal do HSM Expo Management nos três dias. Entre os palestrantes, estão Paul Krugman, Nobel de Economia em 2008, Daniel Goleman, autor do best-seller Inteligência Emocional, e Daniel Lamarre, CEO do Cirque Du Soleil.

Para ter acesso à transmissão o usuário precisa entrar no site da Eventials e contratar uma palestra específica, a grade do dia ou até mesmo o evento completo. Depois, os vídeos ficam disponibilizados por três dias na plataforma.

“Com a transmissão ao vivo pela web, o HSM Expo Management consegue chegar às pessoas que não conseguiram se inscrever ou que não puderam vir a São Paulo. É uma excelente forma de levar a um público maior o conhecimento de palestrantes tão renomados”, afirma Luiz Fernando de Souza, diretor comercial da Eventials.

“A exibição em tempo real pela Internet atende uma demanda das próprias empresas participantes, pois apenas os executivos assistiam as palestras, enquanto que seus próprios times e colaboradores não possuíam essa oportunidade”, complementa Duda Guerra, diretor de marketing da HSM Educação Executiva.

O evento conta com duas áreas: o Congresso, que inclui o Auditório Principal, e a ala de exposição, com estandes, salas e mais de 100 palestras gratuitas. A expectativa é reunir 700 CEOs, 4 mil executivos e 16 mil visitantes.

Maiores informações no site: http://hsmeducacaoexecutiva.com.br/expo2015/

Informações à Imprensa:

NB Press Comunicação
Telefone: (11) 3254-6464
Natália Lippo – natalialippo@nbpress.com

Fernanda Brianezi – fernandabrianezi@nbpress.com

4nov2015

Goiânia recebe neste mês evento voltado para pequenos e médios empreendedores

(0) comentários

5º Seminário Locaweb aborda pela primeira vez o tema empreendedorismo para PMEs

São Paulo, 4 de novembro de 2015 – Entre as capitais mais ricas do Brasil e com mais de 60 mil empresas atuantes, segundo dados do IBGE, Goiânia recebe no dia 14 de novembro o 5º Seminário Locaweb especialmente dedicado a pequenos e médios empreendedores, que acontecerá no Auditório da CDL.

O evento contará com especialistas da área de marketing e varejo, além da Estrategista de Contas do Google, Karolline Mariano. Entre as palestras, estão:

– “Vamos investir no On e no Off agora e sempre”;
– “Como transformar suas campanhas de e-mail marketing em vendas”;
– “Começando pelo começo: planejamento de marketing e mídia”;
– “OHH! Que mídia é essa?”
– Painel: Por que investir no online?

No dia do evento, todos inscritos devem levar um quilo de alimento não perecível, que serão doados para a Vila São Cottolengo, instituição filantrópica sem fins lucrativos que cuida de maneira integral e permanente de 345 pacientes com deficiências múltiplas. As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas podem ser feitas via internet.

Organizado pela Locaweb, com patrocínios da All In e ICOMP e, apoio da ABRADI-GO, AJE Goiás, Leonardo Diogo e Week, o Seminário Locaweb está em sua quinta edição e espera receber cerca de 300 participantes.


Serviço: 5º Seminário Locaweb

 

Data: 14 de novembro
Horário: 9h às 17h
Local: Auditório CDL Goiânia – Rua 8, nº 626 – Setor Oeste
Valor: Entrada gratuita, mediante inscrição no site e um quilo de alimento não perecível
Mais informações: http://eventos.locaweb.com.br/5o-seminario-locaweb-pme-goiania/

3nov2015

Empresa oferece recurso “Tray Frete Fácil” para lojistas virtuais

(0) comentários

Plataforma de e-commerce fecha contrato de intermediação com Correios e economia para clientes  pode chegar a 50%

São Paulo, 03 de novembro de 2015 – De acordo com pesquisa da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico com a Brazil Panels, divulgada em setembro de 2015, o frete é o maior custo envolvido na logística de um e-commerce, com 62,6% de participação. Além disso, 42,2% dos lojistas arcam com parte deste gasto nos pedidos realizados.

Para reduzir esse valor, a Tray, empresa especializada em soluções de e-commerce, disponibiliza um novo aplicativo para os varejistas virtuais: o “Tray Frete Fácil”. Agora, as lojas online que utilizam a plataforma de comércio eletrônico têm descontos no custo do frete. Com o novo serviço, a expectativa da Tray é aumentar em 30% o número de clientes até o fim de 2015.

A economia chega a 50% do valor total, o que minimiza drasticamente o custo dos empreendedores com esta operação. “O benefício é instantâneo para nossos clientes, pois a solução ajuda a minimizar um dos custos que mais oneram a operação de uma loja virtual que é o frete”, comenta Eduardo Gimenes, gerente de marketing da Tray.

A redução no preço é possível por conta de um contrato de intermediação que a Tray fez com os Correios para o envio de grandes quantidades de postagens. Após contratarem o serviço, os empreendedores devem permitir a integração do aplicativo à loja virtual.

Como o sistema é pré-pago, basta adicionar créditos por meio de boleto bancário, cartão, transferência online ou utilizar o saldo do TrayCheckout (intermediador de pagamentos da empresa) para começar a utilizar. As ofertas e valores do Tray Frete Fácil são exibidos no dashboard do programa, dentro do painel administrativo da loja virtual. O aplicativo também gera a etiqueta do pacote com todas as informações necessárias para a postagem e o PLP (pré-lista de postagem), documentos necessários para o envio via Correios.

Sobre a Tray:

Fundada em 2003 e pertencente a Locaweb desde 2013, a Tray é uma das principais empresas brasileiras  voltada para e-commerce. Com cerca de cinco mil clientes, possui sólidos produtos que auxiliam desde o  grande varejista ao empreendedor iniciante, o que contribui para a democratização do varejo online nacional.  Para mais informações, acesse: www.tray.com.br

29out2015

Empresas de turismo online crescem em conversão, mas varejo e moda geram mais engajamento

(0) comentários

Levantamento realizado pela All In mostra que quase seis bilhões de mensagens foram enviadas no terceiro trimestre de 2015

 

São Paulo, 28 de outubro de 2015 – Mercado relativamente novo, o turismo online começa a se consolidar no Brasil. As OTAs (agências de viagens online) estão entre as que mais crescem em conversão com e-mail marketing no país. Em contrapartida, as companhias de varejo e moda ainda possuem um maior engajamento.

A conclusão é do levantamento realizado pela All In, empresa especializada em e-mail marketing de relacionamento. A pesquisa leva em consideração o número de campanhas disparadas no terceiro trimestre de 2015 na base de clientes da empresa.

O segmento de turismo online é o campeão de disparos. As empresas dessa área enviaram aproximadamente 1,3 bilhão de mensagens entre julho e setembro, 30% acima do índice registrado nos três meses anteriores. Desse total, 6% dos e-mails foram abertos, com uma taxa de clique de 2,5%.

Além da atuação recente das agências de viagens no ambiente virtual, outros dois fatores explicam estes números. Primeiro, a sazonalidade do segmento, que depende de períodos festivos e férias para gerar maior conversão. Outro fator diz respeito ao ciclo de vida do produto ofertado, que é completamente diferente dos outros segmentos, já que a compra de pacotes de viagem costuma ser mais racional e tem ticket médio mais elevado.

Essas variáveis contribuem para as melhores taxas de engajamentos dos setores de varejo e moda, sobretudo pela possibilidade de enviar mais ofertas, como cross-sell (itens que complementam uma compra anterior) e a recorrência.

Em números absolutos, o destaque é do setor varejista: 766 milhões de e-mails disparados, com abertura de 9% e cliques em 3%. Em percentual, as empresas de moda levam a melhor: dos quase 107 milhões de mensagens enviadas, 9,5% são abertas e 4% são clicadas.

“Os dados mostram não só o potencial que o segmento de turismo online tem no Brasil, como também as ótimas conversões de empresas de moda e varejo no país. Com o avanço das campanhas personalizadas, ofertando produtos que fazem sentido para o usuário, a tendência é que estes números aumentem ainda mais”, comenta Welington Sousa, gerente de marketing da All In.

Durante os meses de julho a setembro, a All In disparou quase 6 bilhões de e-mail marketing para sua base de clientes – uma média de, aproximadamente, 66 milhões de mensagens por dia.

 

Sobre a All In:

Fundada em 2006 e pertencente à Locaweb desde 2013, a All In é uma das principais empresas especializadas em e-mail marketing de relacionamento do Brasil, com mais de 800 clientes. Primeira companhia brasileira a criar o departamento de entregabilidade, é especialista neste segmento e oferece desde features básicas até as mais avançadas réguas de relacionamento e envios que utilizam a tecnologia do Behavioral Target. Atualmente, além de contar com sua equipe de profissionais especializados, a All In usufrui de toda a infraestrutura oferecida pela Locaweb, líder em hosting no Brasil, segundo a IDC.

Informações à Imprensa:

NB Press Comunicação
Telefone: (11) 3254-6464
Natália Lippo – natalialippo@nbpress.com

Fernanda Brianezi – fernandabrianezi@nbpress.com